Pages

sexta-feira, 30 de julho de 2010

... caramba ¬¬


Uma vez você disse pra mim, segurando minha mão, que ficaria sempre por perto independente de tudo.
Eu nunca duvidei que fosse verdade, era tão simples e fácil de acreditar...
Acontece que você soltou minha mão.
Parece até que pegou todas as palavras, risos e abraços e guardou tudo em uma gaveta - trancou e jogou a chave fora.
Mas espere! Você esqueceu de guardar na gaveta a promessa de ficar por perto, eu não preciso mais dela !
VAMOS, DESPROMETA!
Faça alguma coisa.

O pior você já fez, então, sair do meu campo de visão não deve ser tão ruim assim.
Eu não preciso que fique por perto, você já soltou minha mão mesmo ...
-
mdutra.